Pular para o conteúdo principal

Dia Branco...

A Contação de Histórias tece fios: todos os ouvidos colados a um coração que pulsa uma história, que se verte em canção...

Foi assim que aconteceu: uma lenda indígena - A Lenda da Vitória Régia, um cantinho especial e os amigos artistas trabalhando: Tia Carol no pincel; Tia Soraya na expressão corporal; Tia Bia Bedran na versão em vídeo; Guinho Frazão na composição de uma inesquecível canção e eu na narração... A Sinfonia estava pronta... Os acordes passados e repassados...

E tudo virou um momento único, ímpar que eu compartilho com vocês...
 
No mais: outras rodas virão...

Besos!



Comentários

Jefhcardoso disse…
Olá Silvia!
Parabéns pelo grande trabalho!
Colha bons dias e prazer em estar aqui!

Convido para que leia e comente meu texto “Armelau fica para o almoço” no http://jefhcardoso.blogspot.com Espero que curta. Valeu!

“Que a escrita me sirva como arma contra o silêncio em vida, pois terei a morte inteira para silenciar um dia” (Jefhcardoso)
Oi, querido...
Obrigada pelo carinho e vou ler seu texto sim...
Bjs!
Silvia Castro

Postagens mais visitadas deste blog

SAIBA MAIS SOBRE SILVIA CASTRO!

Atriz, professora da Rede Pública e estadual, Silvia Castro alia sua experiência em teatro às aulas, através da mediação de leitura e da contação de histórias, para incentivar o encontro do jovem com o livro. Na mediação de leitura, em roda, Silvia lê histórias para as crianças, provocando o encontro delas com o desejo de ler e conhecer a vida e outras obras de muitos autores, a partir deste contato inicial. Na contação de histórias, a educadora, adapta contos populares do Brasil e do mundo, utilizando recursos teatrais em suas apresentações, criando personagens, interpretando canções, tudo para encantar os jovens e criar pontes que possibilitem o encontro do jovem com a leitura. Faça contato para saber mais: silviacastro66@hotmail.com





ENCANTOS NO RJ TV

O espetáculo ENCANTOS - HISTÓRIAS E CANÇÕES roda o circuito carioca há muitos anos...
Invadiu também muitas praias como México, Colômbia, Cuba que ouviram um pouquinho do repertório compilado por mim, nessa trajetória de mais de vinte anos de causos!
E voltei ao Rio para virar notícia!
Olha que legal!
Bjs!

#POESIAAGORA

Ontem, hoje, amanhã É dia de Poesia De POESIA AGORA!
Porque o coração pede
Porque a voz quer cantar
Celebrar por sobre os apesares

Roubaram a rosa vermelha no meu cabelo
Falharam
Nasceram 35 rosas vermelhas em seu lugar
E ando enebriada de tanto perfume
E vontade de criar
E como sou tão singular
Vaticino: a rosa vermelha que você roubou
Nunca nascerá linda em outro lugar

Amanhã é dia de POESIA AGORA
E ainda que meu livro como num conto de fadas
Adormeça na gaveta
Dentro de mim tenho milhões de
Histórias pra compartilhar
Me deem uma palavra
Uma palavra só
E
em um simples minuto, vou te fazer delirar
Despertar, desenterrar aquela lágrima soterrada
Em descaminhos
Duvida?
Devoro-te!

Amanhã é dia de POESIA AGORA
E só por isso
Escorregam poesias do meu coração para a ponta dos meus dedos
Perpassando todos os poros de minha pele
E a juventude corre em minhas veias
Misturada em meu sangue senil
Sou mais, muito além daquilo que você vê
E teimo em existir!

Amanhã é dia de POESIA AGORA
Porque somos feit…